Entrada BIBLIOTERAPIA Projeto "Abrindo Portas para o futuro..."

Projeto "Abrindo portas para o futuro..."

Projeto "Abrindo portas para o futuro..."

E-mail Print PDF


 

Projeto de Biblioterapia

 

"Abrindo portas para o FUTURO

através da Leitura e Reflexão"

 

 

    

Fotos de Sónia Dória do Departamento de Educação e Qualidade de Vida da CMF (novembro, 2015)

 

 



Responsáveis pelo Projeto:  Equipa do Serviço de Consulta Psicológica da Universidade da Madeira (SCP-UMa) / Dinamização das sessões: psicóloga Carla Vale Lucas 

Parceria: Departamento de Educação e Qualidade de Vida da Câmara Municipal do Funchal e integrado no âmbito da atuação dos Polos de Leitura da Autarquia e do Plano Municipal de Leitura 

Destinatários:  Alunos de 3.º e 4.º anos que frequentam os Polos de Leitura do Bairro da Nazaré e Ludoteca de Santa Catarina.

Duração do Projeto:  Projeto em curso ao longo do ano letivo 2015/2016

Notícias sobre o projeto:

Notícia da Autarquia: [Consulte aqui notícia]

Balanços do projeto: [Consulte aqui o balanço da primeira fase do projeto] [Consulte aqui o balanço da segunda fase do projeto] 

Reportagens sobre o projeto: [1 e 2]

 


 

Contextualização do projeto

"Abrindo Portas para o Futuro através da Leitura e reflexão":  

 

O projeto segue uma das linhas de intervenção do Serviço de Consulta Psicológica da Universidade da Madeira que visa ajudar na construção de projetos de vida em diferentes faixas etárias, instigando o desenvolvimento de um pensamento crítico e reflexivo junto aos mais jovens, de modo a poderem assumir um papel mais ativo e interventivo na comunidade em que se encontram inseridos.

Adicionalmente, o presente projeto concretiza uma outra linha de intervenção do serviço - a biblioterapia, posta agora em prol da construção de projetos de vida. A biblioterapia é a terapia do diálogo mediada pelo livro, sendo uma ferramenta extremamente útil na promoção do desenvolvimento cognitivo, metacognitivo, interpessoal e intra-pessoal das crianças [saiba mais].

O Projeto assenta adicionalmente no facto de que vivemos numa envolvente incerta, sendo fundamental e urgente ajudar as crianças a desenvolver ferramentas que possam constituir futuramente uma vantagem competitiva no prosseguimento dos seus estudos e na transição para a vida ativa.  

Assim sendo, um dos elementos que importa promover junto às crianças é a esperança, na medida em que é tida como um agente facilitador de mudança. Note-se que indivíduos com elevada esperança tendem a definir objetivos mais específicos, mais realistas e maioritariamente de aproximação, o que como a investigação tem demonstrado, tende a favorecer o alcance dos mesmos.

Segundo Snyder, Lopez, Shorey, Rand, & Feldman (2003), a esperança das crianças consiste num processo cognitivo que envolve a crença nas suas capacidades para originar caminhos viáveis para os objetivos e a crença de que conseguem iniciar e suster o movimento em direção a esses mesmos objetivos. De igual modo, de acordo com Snyder, Cheavens & Sympson (1997), a esperança está aberta a desenvolvimento, sendo que tal decorre desde cedo na infância.

Neste sentido, e com estes pressupostos, o presente projeto "Abrindo portas para o futuro através da leitura e reflexão" visa promover a construção de projetos de vida nas crianças e a componente da esperança, instigando a reflexão, usando como ferramenta base a biblioterapia. 

 

Objetivos do projeto:  

Constituem objetivos do projeto intervir junto a jovens em idade escolar, entre os 8 e os 10 anos, promovendo a construção de projetos de vida; promover a esperança, a proatividade e o desenvolvimento de um pensamento crítico e reflexivo, bem como avaliar se a implementação de sessões de biblioterapia, versando a temática da construção do futuro, contribui significativamente para um incremento dos níveis de esperança das crianças e na forma como percepcionam o futuro.  

 

Operacionalização:  

Consiste na implementação de duas sessões de biblioterapia junto ao mesmo grupo, versando temáticas como a mudança e a construção do futuro, e espaçadas por uma semana. Cada sessão tem a duração de 90 minutos. É aplicado um pré e um pós teste, com a duração máxima de 15 minutos.

 

 

Mensagem Final:  O Projeto "Abrindo portas para o futuro através da leitura e da reflexão" assume que, passo a passo, é possível se abrir espaços para que a mudança aconteça, ajudando as crianças a desenvolver a sua capacidade de reflexão, de superação dos desafios que a vida coloca e assim a encontrar formas alterativas e criativas de resolver situações problemas. 

Os livros e a reflexão sobre os mesmos podem ser, pois, ferramentas essenciais no sentido de instigar mentes mais inquietas, capazes de ir mais além nesta construção - a construção do nosso futuro, do qual todos somos autores. 

 


 

Sessões realizadas no âmbito do projeto:  

1.ª fase do projeto: Pólo de Leitura da Nazaré

 

Grupo 1: 5 e 11 de novembro

Grupo 2: 17 e 23 de novembro  

Grupo 3: 3 e 10 de dezembro  

 - Alunos de 3.º ano da Escola Básica da Nazaré  - 

 

Grupo 4: 27 de janeiro e 2 de fevereiro

Grupo 5: 4 e 11 de fevereiro 

Grupo 6:  8 de fevereiro e 3 de março  

  - Alunos de 4.º ano da Escola Básica da Nazaré  - 

 

 

 Balanço da 1.ª fase do projeto [aqui]


 

2.ª fase do projeto: Pólo de Leitura da Ludoteca de Santa Catarina

 

Grupo 1: 8 e 15 de março

Grupo 2: 5 e 12 de abril 

  - Alunos de 3.º ano do Externato Princesa Dona Maria Amélia -

 

Grupo 1: 19 e 26 de abril

Grupo 2: 3 e 10 de maio 

  - Alunos de 4.º ano do Externato Princesa Dona Maria Amélia -

 

Balanço da 2.ª fase do projeto [aqui]